segunda-feira, 2 de janeiro de 2017

{Resenha} As Vantagens de ser invisível

Olá amoras! Como estão? Eu estou muito bem, obrigada. E bastante animada para a resenha de hoje, é claro. Além de ser a primeira desse ano, é sobre um livro bastante especial pra mim. Apesar de eu ter lido no final do ano, já se tornou um dos meus xodós.

Então sejam legais com ele, ok? Com toda certeza serão.

Preparados? Então vamos para a resenha de As Vantagens de Ser Invisível!



Livro: As Vantagens de Ser Invisível
Título Original: The Perks of Being a Wallflower
Autor (a): Stephen Chbosky
Editora: Rocco
ISBN: 9788532522337
Páginas: 224

Sinopse: Ao mesmo tempo engraçado e atordoante, o livro reúne as cartas de Charlie, um adolescente de quem pouco se sabe - a não ser pelo que ele conta ao amigo nessas correspondências -, que vive entre a apatia e o entusiasmo, tateando territórios inexplorados, encurralado entre o desejo de viver a própria vida e ao mesmo tempo fugir dela.As dificuldades do ambiente escolar, muitas vezes ameaçador, as descobertas dos primeiros encontros amorosos, os dramas familiares, as festas alucinantes e a eterna vontade de se sentir "infinito" ao lado dos amigos são temas que enchem de alegria e angústia a cabeça do protagonista em fase de amadurecimento. Stephen Chbosky capta com emoção esse vaivém dos sentidos e dos sentimentos e constrói uma narrativa vigorosa costurada pelas cartas de Charlie endereçadas a um amigo que não se sabe se é real ou imaginário.

As Vantagens de Ser invisível conta a história de Charlie, um garoto de 15 anos que  ainda está amadurecendo. Ele também está em processo de luto, já que seu melhor amigo cometeu suicido recentemente e ele não consegue entender o porquê. Além disso, ele está numa fase de descobertas e precisa encontrar sua verdadeira personalidade.
"Então, está é a minha vida. E eu quero que você saiba que sou feliz e triste ao mesmo tempo, e ainda estou tentando entender como posso ser assim."

Por sorte, ele acaba se tornando amigo de Sam e Patrick, ambos alunos do ultimo ano. Junto com eles, aprende sobre o que é amizade e qual o ser valor. Também começa a desfrutar mais a vida e se arriscar mais, florescendo cada vez mais sua personalidade. 

De início, esse parece ser mais um livro como outro qualquer. Quantos livros existem por aí com um enredo mais ou menos parecido? Não dá nem pra contar. Mas esse não é um livro comum.

Pra começar, a narrativa é através de cartas. Charlie conta seu dia a dia á um amigo, que não temos o menor conhecimento de quem seja. E por ser apenas um menino, sua escrita é bem leve e tem até mesmo alguns erros. Tudo para a veracidade da história.

Conforme Charlie começa a amadurecer, o mesmo acontece com a sua escrita. O que eu achei ótimo, já que a evolução dele se torna ainda mais clara.

As Vantagens de Ser Invisível era um livro que eu não tinha nenhuma expectativa, confesso. Minha amiga vivia falando sobre ele e insistindo para que eu o lesse, mas eu não dava bola. Achava que o livro era superestimado e que não valia a pena ler. Foi por causa de um desafio que eu o li. E não me arrependi.

Antes de qualquer coisa, preciso dizer que se trata de um drama. Mas não um drama onde você vai chorar o tempo todo e reza para que tudo dê certo. Não. Este é um drama que vai te fazer pensar, vai te fazer refletir sobre o que o personagem está passando e sobre as questões levantadas por ele. Tenho que dizer que eu também evolui depois desse livro.

De início, Charlie parece ser mais uma criança do que um adolescente de fato. Sua infantilidade e ingenuidade nos mostra um garoto frágil e que só quer ser aceito e ter algum amigo para chamar de seu. Isso se mostra bastante claro quando ele narra alguns acontecimentos um pouco mais pesados, sem se dar conta do que realmente aconteceu ali.

"Seria muito legal ter um amigo novamente. Gostaria disso mais do que uma namorada."

Além disso, Charlie tem vários problemas. Nem vou falar sobre o problema de saúde dele, que o faz ter crises de pânico e até mesmo ausências. Não. Estou falando do velho problema que todos nós temos, o que nos faz querer ser desesperadamente aceito. Charlie confia muito facilmente e é capaz de fazer e ser quem ele acredita que os outros irão gostar. E isso se agrava por ele ser puro - e quando digo isso não me refiro à ele ser santo, porque ele faz muita coisa errada. Me refiro à ele não ver a maldade nas pessoas.

A única coisa que não gostei muito foi o final. Não que seja ruim, nada disso. Mas deixou algumas coisinhas em branco, coisas que eu adoraria saber um pouco mais. Mesmo assim é leitura válida e eu continuo indicando para todos vocês lerem. 

Além disso, a história aborda temas muito polêmicos como drogas, violência contra mulher, gravidez na adolescência, homossexualidade e bebidas. Mas faz isso de uma forma tão natural, tão cotidiana, que acaba por mudar um pouco a visão de que temos sobre o mundo. Eu mesma acabei aceitando algumas coisas e vendo com outros olhos outras. E eu já me considerava mente aberta antes.

Não sei se estou conseguindo transmitir à vocês o quanto esse livro me tocou, o quanto ele me fez pensar e me transformou. Quando um livro te toca como esse me tocou, fica difícil explicar. Apenas lendo para entender mesmo.

Falando nisso, a leitura é rápida. Eu mesma li numa sentada só. Passei a minha tarde inteira lendo e quando terminei o sol não tinha se posto. As folhas são brancas e, apesar de eu não gostar muito, abri exceção para esse. A letra é de tamanho confortável e não atrapalha em nada na leitura. A capa é linda. As duas. Mas a do que eu li foi essa, a do filme. A capa vem com orelha, o que eu amo porque deixa o livro mais durinho e menos frágil. 

Mais uma vez vou repetir, leiam. Parem tudo que você estiver fazendo e leiam. Esse livro deveria ser lido por todos antes de morrer, ou antes de saírem da adolescência, se possível. Não sei dizer, acho válido para todas as idades. Afinal, um livro que coloca tantas coisas em cheque, que muda a sua visão sobre o mundo, deve ser lido por todos, não?
"E eu acho que todo mundo é especial à sua própria maneira."

25 comentários:

  1. Olá!
    Sou apaixonada por esse livro, ele meche com a gente de uma forma quase inexplicável, não é mesmo? Ele é um dos meus queridinhos; faz tanto tempo que li que estou ficando com uma vontade louca de reler; sou apaixonada pelos personagens principalmente a Sam <3
    Adorei todas suas considerações.
    Beijos,Lari.
    Segredosdeumcerejeira.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Olá tudo bem? Só assisti ao filme baseado nesse livro e para falar a verdade não sei se eu leria o livro. Mas estou pensando em um dia parar e dar uma chance para ele, meu personagem favorito do filme e com certeza também seria do livro é o que o Ezra interpreta! Ele é o tipo de homossexual que admiro, pois ele é quem ele é, e não se importa com a opinião dos outros!
    BJss

    ResponderExcluir
  3. Eu gosto muito deste livro e o Charlie me emocionou muito, porém este livro é um dos poucos exemplos que o filme conseguiu ser ainda melhor. Amei sua resenha e saber que você também gostou.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Olá!! :)

    Eu não conhecia o livro nem o filme, mas lembro-me de ter visto essa capa algures..! :) ahah Não me parece mal!

    Que bom que gostaste e aconselhas a todos (especialmente aos adolescentes..) e que e uma leitura bem rápida de se fazer! :)

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Comecei a ler esse livro ontem e estou curtindo, apesar de estar lendo devagar. Não consigo pensar qual final é esse, mas vou ficar ligada para ver se vou achar algumas pontas brancas.
    Espero me sentir tão tocada quanto você.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  6. Olá! Olha eu sei que o filme é diferente dos livro. Mas assistir o filme e não gostei. Então isso já não causou boa impressão do livro. Mas no final seu apelo para ler e pela resenha em si toda foi boa, vou anotar a dica do livro. Beijo'

    ResponderExcluir
  7. Eu assisti primeiro ao filme e, confesso, foi pela Emma Watson; não sabia nem mesmo do que se tratava. Foi amor total a tudo, adorei cada uma das personagens, fotografia, trilha sonora, etc. Depois fui ler o livro e, com as pequenas diferenças diante do roteiro, continuei encantado. Também indico a todos. Concordo com vc, todos os assuntos são tratados de forma tão natural que nos sentimos parte do grupo. Também indico a todos.

    *☆* Atraentemente *☆*

    ResponderExcluir
  8. Olá, tudo bem?
    Já li esse livro, mas não achei grandes coisas como todo mundo diz. Mas vai entender, né!?
    Ótima resenha.

    http://feliciity-unjourdepluie.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Acho que assim.como você fazia eu subestimo esse livro. Confesso que eu leio a sinopse é vejo o povo falando dele e penso o que vai me acrescentar. Depois de sua resenha fiquei um pouco mais animada com ele e pretendo ler em breve. Beijos

    ResponderExcluir
  10. Sempre vejo muita gente falando e apesar de ter visto o filme e gostado, não tenho o interesse de ler o livro. Por isso que até o momento eu ainda não o li e nem tenho intenção de fazê-lo, ainda mais que vendo na sua resenha que tem algumas pontas soltas e poderia ter mais coisa, me faz ter a certeza que não é a leitura certa para mim. Mas que bom que apesar de tudo você pode apreciar e para quem gosta, é uma boa dica! Infelizmente não é para mim!
    Um beijo
    www.brookebells.com

    ResponderExcluir
  11. Oiee ^^
    Eu gostei bem mais do filme do que do livro, o que é raro, já que eu sempre prefiro o livro e o defendo com unhas e dentes. Achei o livro um pouco cansativo (não sei se foi porque eu o li pelo PC) e a escrita um pouco maçante, então não me senti fisgada pela história. Uma pena.
    MilkMilks ♥
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Oi!

    Tanto o livro quanto o filme me tocaram muito, então eu entendo a sua dificuldade em transmitir tudo o que ele passou para ti. Adorei sua resenha, a escrita que é meio julgada pelas pessoas, eu achei bem tranquila, li rapidinho, fui bem envolvida na história e com o Charlie. Parabéns pela resenha.

    bjs :)

    ResponderExcluir
  13. Olá!
    Eu sou louca para ler As Vantagens de Ser Invisível, eu vi o filme e não gostei do final, pelo visto com o livro é assim também, mas mesmo assim eu quero muito ler, só preciso adquirir o livro hahahaha. Ele é bem pequeno, né? Então da pra ler bem rápido mesmo, quero!
    Beijos,
    Nay
    Traveling Between Pages

    ResponderExcluir
  14. Estou com esse livro a quase um ano na minha prateleira e sinto que o mundo todo manda que eu o leia! Assisti o filme e já me toquei muito, sinto que a leitura será muito melhor. Relaxe, você conseguiu passar muito sentimentos na sua resenha.

    ResponderExcluir
  15. Olá.
    Sou louca para ler esse livro, sabe aquela premissa que te agrada? Então é a desse livro, ela desperta o meu interesse.A estória parece realmente incrível, deve see bom ver o amadurecimento dos personagens.O livro parece ter lá sua carga emocional que é bacana.Parabéns pela resenha me deixou louca querendo ler

    ResponderExcluir
  16. Oi.
    Ultimamente tenho fugido de livros que me fazem refletir.
    Tenho lido livros mais voltados somente para o entretenimento mesmo.
    Mas é um excelente dica.
    Adorei o fato de ser narrado através de cartas e de saber que a linguagem muda conforme o personagem amadurece. Me deixou intrigada.

    ResponderExcluir
  17. Olá, eu amo a premissa desse livro, amo ainda mais seus personagens, incluindo o personagem que traz a homossexualidade de uma maneira tão delicada e sem estereótipos. Você conseguiu tirar conclusões parecidas com as minhas do livro, que ainda irei resenhar por esses dias no blog.

    ResponderExcluir
  18. Olá.
    Perdi o interesse em ler este livro após assistir ao filme, afinal o enredo não seria mais "inédito" e eu já conhecia o final.
    Mas saber que a leitura é tão rápida que você consegue concluir o livro em uma tarde, me deixou bem curiosa pra ler.

    ResponderExcluir
  19. Olá, tudo bem por aí?

    Todo mundo elogia tanto esse livro e o classifica como uma leitura essencial e eu sinto que é um "pecado" eu ainda não ter lido-o, então, preciso lê-lo em 2017. Inclusive, eu havia me esquecido dele, então, obrigado por me lembrar haha.

    Abraços.
    www.acampamentodaleitura.com

    ResponderExcluir
  20. Oiee
    Tudo bem?
    Eu gosto de drama e acho que esse livro tem tudo para me agradar
    Amei sua resenha.
    Beijos

    ResponderExcluir
  21. Super concordo que livros com mensagens e que colocam as coisas em perspectivas precisam ser lidos por todos. Isso dito, ainda tenho a sensação de que falta alguma coisa nesse livro para que eu tenha realmente vontade de ler. Acho que é por causa do filme que é uma coisa parada e tal. Sim, sei que o livro normalmente é muito melhor e mais completo, mas não tem como deixar a impressão que tive de lado.
    espero conseguir arrumar um tempinho e encaixar a leitura, para ver se curto a história :)
    Beijinhos,
    Lica
    Amores e Livros

    ResponderExcluir
  22. Olá,
    Meu marido leu e gostou bastante e ficou me perturbando para assistirmos ao filme. Assisti com ele e achei a proposta até que interessante, mas meio viagem demais e a partir de então acabei perdendo a vontade de fazer a leitura. Sei que adaptações não nos mostram todo o potencial do livro mas ainda assim por enquanto não pretendo fazer a leitura.
    Adorei saber suas impressões.

    http://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  23. Oi Camila,
    Olha só toda vez que eu vejo alguém falar desse livro reviro meus olhos pensando se tratar apenas de um desses romances bobos de adolescentes sem muito conteúdo. A verdade é que nunca busquei informações sobre o que ele realmente tratava e fiz um pré julgamento sobre o mesmo. Acho que um pouco que nem você que relutou para lê-lo.
    Agora lendo sua resenha meus conceitos foram caindo um a um e senti uma imensa vontade de conhecer Charlie através das suas cartas. Com certeza vou colocar esse livro na lista de leituras desse ano.
    Um abraço

    ResponderExcluir
  24. Oi, tudo bem?
    Eu demorei para ler esse livro também e quando li não me arrependi, mas confesso que prefiro o filme, pois conseguiu me emocionar e envolver mais, sabe? Mas o livro também é ótimo, pois a história é maravilhosa, aborda temas muito importantes, né? E o protagonista é muito cativante, dá vontade de abraçar e cuidar.

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  25. Olá, tudo bom?
    Eu vou ser legal com esse livro porque ele é um dos meus queridinhos também rs <3 Amo essa história e a narrativa epistolar só deu um toque ainda mais delicado a mesma. Sua amiga estava certa em insistir com você e fico feliz que graças a esse desafio você acabou conhecendo uma história maravilhosa.


    Beijos!
    @PollyanaCampos
    Entre Livros e Personagens

    ResponderExcluir

Titulo do slide...

Aqui voce vai colocar o conteudo ou falar sobre seu artigo relacionado a imagem do lado

Leia mais

Titulo do slide...

Aqui voce vai colocar o conteudo ou falar sobre seu artigo relacionado a imagem do lado

Leia mais

Titulo do slide...

Aqui voce vai colocar o conteudo ou falar sobre seu artigo relacionado a imagem do lado

Leia mais

Titulo do slide...

Aqui voce vai colocar o conteudo ou falar sobre seu artigo relacionado a imagem do lado

Leia mais

Titulo do slide...

Aqui voce vai colocar o conteudo ou falar sobre seu artigo relacionado a imagem do lado

Leia mais